Horário: Seg a Sex - 08:00 às 19:00 / Sab - 08:00 às 12:00


  Contato : (61) 3263-0833 / (61) 3263-0834 / (61) 99257-6671

O que é Acantose nigricans?

Anualmente são registrados 2 milhões de casos em todo o Brasil

A acantose nigricans se dá pelo surgimento de manchas escuras e aveludadas na pele, que costumam aparecer comumente em áreas de dobras, como nas axilas, virilha e no pescoço. O paciente apresenta também comumente coceira no local. Em sua grande maioria ocorre em pessoas obesas ou diabéticas, com quadro de resistência à insulina, tendo sua maior incidência a partir de 19 anos de idade. Nestes casos, é mais propriamente chamada de pseudoacantose nigricans, por estar relacionada a patologias endocrinológicas benignas e aumento de peso.

Todavia, o médico dermatologista da Clínica Monte Parnaso, Luciano Morgado, explica que, em casos raros, na chamada “acantose nigricans maligna”, pode ser um sinal de alerta de um tumor cancerígeno em órgão interno, como o estômago ou o fígado, ou também de linfomas ou melanoma. “O tratamento requer um diagnóstico médico para apontar a melhor solução de reverter o caso e também melhorar a pele”, esclarece. “Na parte cutânea, podem ser associados clareadores e laser para amenizar as manchas, mas é fundamental uma investigação das causas do problema. ”

Outra atitude que pode ajudar no tratamento é a perda de peso. Nos casos relacionados com obesidade e resistência à insulina, o emagrecimento contribuirá para amenizar tanto o quadro cutâneo quanto a resistência à insulina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *