Portal Comunidade Vip: Uso de suplemento e esteroides pode causar reações adversas na pele

Fique atento aos componentes da suplementação que podem causar queda de cabelo, foliculite e acne

Os suplementos alimentares mais populares habitualmente são compostos por aminoácidos do soro do leite, contendo também vitaminas, peptídeos bioativos e carboidratos. A ingestão desse complemento nutricional pode causar reações adversas na pele, como alerta a dermatologista da Clínica Monte Parnaso, Ana Regina Trávolo. “É comum o aumento da acne, tanto como aparecimento de novas lesões, quanto na piora de quadros pré-existentes, principalmente no rosto e no tronco’, alerta a médica.

Os suplementos podem causar acne por diversos fatores: 1- primeiramente pelo estímulo direto das proteínas do soro do leite. 2- a presença de carboidratos resulta em um alto índice glicêmico, ocasionando a formação de acne devido ao aumento de IGF-1 causado pela hiperinsulinemia. 3- Além disso, as vitaminas do complexo B também aumentam a oleosidade da pele, contribuindo para o maior aparecimento da acne.

Cuidados

Nos pacientes que tenham caso clínico de acne e apresentem piora do quadro com o uso do suplemento Whey Protein, é aconselhável parar o uso. O ideal   substituir por produtos que apresentem baixo índice glicêmico, que não tenha adição de vitaminas do complexo B e que não contenha proteína do leite. “O paciente tem a possibilidade de adquirir suplementos proteicos derivados de outras fontes, como carne, soja e ervilha”, orienta a dermatologista Ana Regina.

Vilão

Outro vilão bastante utilizado pelas pessoas que buscam melhorar a performance esportiva ou ter ganho de massa muscular rápido e intenso é o esteroide androgênico. Entre os mais comuns desta classe podemos citar o Stanozolol, Oxandrolona e Nandrolona.

Estes compostos possuem ação androgênica podendo resultar em vários efeitos colaterais na pele, como:

1-      Aumento do tamanho e da função glândulas sebáceas, resultando em oleosidade da pele e do cabelo.

2-      Acne resistente aos tratamentos e com caráter mais grave (acne fulminas). Estima-se que a acne ocorra em até 40% dos usuários.

3-      Alopecia (queda de cabelo)

4-      Hirsutismo (aumento de pelos pelo corpo)

5-      Rosácea

6-      Piora da dermatite seborreica (seborreia)

7-      Estrias devido ao aumento do tecido muscular e diminuição da elasticidade da pele.

8-      Foliculite e furunculose

9-      Predisposição a formação de cistos

10-  Predisposição a queloides (pelo aumento da síntese de colágeno tipo 1)

Dessa forma, em virtude das manifestações cutâneas frequentes, o Dermatologista muitas vezes é o primeiro médico a ser procurado por estes pacientes. “Devemos estar preparados não só para tratar as lesões cutâneas, mas verificar outras manifestações clínicas e sintomas que possam sugerir outras complicações sistêmicas e riscos para a sáude destes pacientes. Caso necessário, exames laboratoriais podem ser solicitados Os esteroides podem também resultar em agressividade, insuficiência hepática e infertilidade”, completa Dra. Ana Regina.

Corpo Clínico

Dra. Ana Regina Franchi Trávolo – Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD); membro titular da SBD; membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica – SBCD; membro da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia; membro da InternationalAssociationofAesthetic Medicine; graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto – FAMERP e fellow em Dermatologia e Laser pelo Hospital Ramon Cajal, na Espanha.

Dr. Luciano Ferreira Morgado – Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD); membro titular da SBD; membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica – SBCD; membro da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia; membro da InternationalAssociationofAesthetic Medicine; pós-graduado em Cirurgia Dermatológica, Laser e Dermatologia Estética pela FM-ABC São Paulo; graduado em Medicina pela UnB e mestre em Terapia Fotodinâmica com Nanotecnologia pela Universidade de Brasília.

Texto publicado no site: http://cmnddevip.com.br/2017/07/21/uso-de-suplementos-e-esteroides-pode-causar-reacoes-adversas-na-pele/

Leave a Reply

Your email address will not be published.Required fields are marked *

Estamos reestruturando nosso site para te oferecer uma experiência ainda melhor!

Ok
X
Open chat
DRA. FABIANA DAMASCO
  • Graduação em Medicina pela Universidade de Brasília, UnB-DF – 2012
  • Residência Médica em Dermatologia Hospital Regional da Asa Norte. Brasilia-DF – 2016
  • Título de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e pela Associação Médica Brasileira – 2016
  • Especialização em Oncologia Cutânea pela Universidade de São Paulo (HCFM-USP) e Instituto do câncer do Estado de São Paulo (ICESP) - 2017
  • Research Fellowship pela Universidade de Pittsburgh. Pittsburgh, EUA - 2018
  • Clinical Fellowship pelo Melanoma Institute of Australia e Sydney Melanoma Diagnostic Centre. Sydney, Australia - 2020
  • Membro Efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD); da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), da International Dermoscopy Society (IDS).
DRA. ANA REGINA FRANCHI TRÁVOLO
  • Título de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia
  • Membro efetivo Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD
  • Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica - SBCD
  • Membro da Sociedade Brasileita de Laser em Medicina e Cirurgia
  • Membro da International Association of Aesthetic Medicide
  • Graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto - FAMERP
  • Residência Médica em Clínica Médica e Dermatologia pela Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto - FAMERP
  • Fellow em Dermatologia e Lase pelo Hospital Ramon Cajal - Espanha.
DR. LUCIANO FERREIRA MORGADO
  • Título de Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (Aprovação em 1º Lugar)
  • Membro efetivo Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD
  • Membro da Sociedade Brasileira de Cirgia Dermatológica - SBCD
  • Membro da Sociedade Brasileita de Lase em Medicina e Cirurgia
  • Membro da International Association of Aesthetic Medicide
  • Graduado em Medicina pela UNB - Universidade de Brasília.
  • Residência Médica em Clínica médica e dermatologia pela Universidade Federal de Goiás - UFG
  • Pos Graduação em Cirurgia Dermatológica, Laser e Dermatologia Estética pela FM-ABC São Paulo
  • Aperfeitoçoamento em Tricologia - C. DermaHair - SP
  • Mestre pela Universidade de Brasília - UnB
  • Fellow em Cirurgia Micrográfica de Mohs no Centro de Cirurgia Micrógrafica do Rio de Janeiro / Santa casa de Misericórdia - RJ
DRA. JÚLIA KIPPERT

- Título de especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia;

- Membro efetivo titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD;

- Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica – SBCD;

- Graduada em Medicina pela Universidade Federal de Rondônia – UNIR;

- Residência Médica em Dermatologia na Universidade Estadual de Londrina - UEL;

- Especialização em Cosmiatria Dra. Bruna Bravo no Rio de Janeiro;

- Fellow em Beleza Funcional;

- Pós-graduanda em tricoses e onicoses (cabelo e unha).

DRA. BRUNA CÔRTES

Graduação em Medicina na Universidade de Brasília.

Residência médica em Dermatologia no Hospital Universitário de Brasília.

Especialista em Radioeletrocirurgia e Indução percutânea de Colágeno com Agulhas.

Especialista em Dermatoscopia Avançada e Dermatopatologia.

DRA. TAINAH DE ALMEIDA

Graduação na Universidade Católica de Brasília (UCB), Brasília - DF

Residência Médica em Dermatologia no Hospital Regional da Asa norte (HRAN), Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES-DF)

Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e Associação Médica Brasileira (AMB)

DRA. MARIANA QUEIROZ

Residência Médica em Clínica Médica pela Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo - SP

Especialização em Dermatologia pela Universidade Lusíada - Santos - SP ( Credenciada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD)

Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia