Tratamento de estrias

As estrias são provocadas pelo rompimento das fibras elásticas e colágenas da pele. Entre as suas principais causas podemos citar a predisposição genética individual e o estiramento da pele provocado pelo aumento de massa muscular (musculação), pelo implante de próteses mamárias e pela gestação. São comuns também as estrias durante o estirão de crescimento na puberdade, ocorrendo na região lombar dos homens. Nas mulheres, com o estímulo estrogênico e aumento dos glúteos, culotes e mamas, também costumam aparecer nestas regiões.

Outro fator causal importante são o uso excessivo de medicamentos com corticoides, tanto por via oral quanto aplicados topicamente.

As estrias recentes e vermelhas costumam responder mais satisfatoriamente ao tratamento que as antigas e brancas. Daí a importância de trata-las o quanto antes. O objetivo do tratamento visa formar novo colágeno na área afetada, além de melhorar a cor e textura da pele.

Entre os principais tratamentos podemos citar:

É muito importante uma avaliação do Dermatologista antes de iniciar o tratamento, uma vez que ele fará uma programação adequada para o tipo de pele de cada paciente, além de acompanhar e tratar eventuais intercorrências durante o tratamento, como vermelhidão e eventuais alterações de coloração da pele. Normalmente são necessárias várias sessões para o tratamento das estrias.

Laser Dual Deep Co2 Fracionado e Fotona Erbium Smooth:

Promove uma vaporização da superfície cutânea, realizando microfuros na pele. Estimula a formação de novo colágeno, além de melhorar a textura e coloração da área tratada. Provoca ainda uma leve retração da pele, diminuindo a largura das estrias.

DermaRoller ou microagulhamento:

Consiste no uso de um equipamento com minúsculas agulhas que, quando deslizam na pele, perfuram a camada mais superficial e favorecem a formação de novas fibras de colágeno e elastina, amenizando as estrias gradualmente, a cada sessão.  Pode ser associado com a técnica de drug delivery, na qual logo após o microagulhamento, são aplicados ativos para o estímulo de colágeno, como a vitamina C.

 MMP® (Microinfusão de medicamentos na pele):

Equipamento eletrônico em que ao mesmo tempo em que se realiza um delicado microagulhamento, são infundidos medicamentos que podem auxilar no estímulo de colágeno.

Peelings Químicos:

Associadamente a diversos dos tratamentos anteriores, na concentração ideal, podem ser aplicados diretamente no local, promovendo a retirada de células mortas, estimulando a produção do colágeno e melhorando o aspecto da pele.


É muito importante uma avaliação do Dermatologista antes de iniciar o tratamento, uma vez que ele fará uma programação adequada para o tipo de pele de cada paciente, além de acompanhar e tratar eventuais intercorrências durante o tratamento, como vermelhidão e eventuais alterações de coloração da pele. Normalmente são necessárias várias sessões para o tratamento das estrias.

Open chat
DRA. JÚLIA KIPPERT

- Título de especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia;

- Membro efetivo titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD;

- Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica – SBCD;

- Graduada em Medicina pela Universidade Federal de Rondônia – UNIR;

- Residência Médica em Dermatologia na Universidade Estadual de Londrina - UEL;

- Especialização em Cosmiatria Dra. Bruna Bravo no Rio de Janeiro;

- Fellow em Beleza Funcional;

- Pós-graduanda em tricoses e onicoses (cabelo e unha).

DRA. BRUNA CÔRTES

Graduação em Medicina na Universidade de Brasília.

Residência médica em Dermatologia no Hospital Universitário de Brasília.

Especialista em Radioeletrocirurgia e Indução percutânea de Colágeno com Agulhas.

Especialista em Dermatoscopia Avançada e Dermatopatologia.

DRA. TAINAH DE ALMEIDA

Graduação na Universidade Católica de Brasília (UCB), Brasília - DF

Residência Médica em Dermatologia no Hospital Regional da Asa norte (HRAN), Secretaria de Estado de Saúde do Distrito Federal (SES-DF)

Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e Associação Médica Brasileira (AMB)

DRA. MARIANA QUEIROZ

Residência Médica em Clínica Médica pela Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo - SP

Especialização em Dermatologia pela Universidade Lusíada - Santos - SP ( Credenciada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia - SBD)

Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia